Mês 7 – Concorrentes


                                 

CONCORRENTES

Você pode aprender lições importantes observando a atuação da concorrência. Procure identificar quem são seus principais concorrentes. A partir daí, visite-os e examine suas boas práticas e deficiências.

Lembre-se de que concorrentes são aquelas empresas que atuam no mesmo ramo de atividade que você e que buscam satisfazer as necessidades dos seus clientes.

Faça comparações entre a concorrência e o seu próprio negócio. Enumere os pontos fortes e fracos em relação a:

  • qualidade dos produtos, tamanhos, embalagem, variedade, etc.;
  • preço cobrado;
  • localização, estacionamento;
  • condições de pagamento - prazos concedidos, descontos praticados, etc.;
  • atendimento prestado;
  • serviços disponibilizados - horário de funcionamento, entrega em domicílio, tele atendimento, etc.;
  • garantias oferecidas.

Após fazer essas comparações, tire algumas conclusões:

  • Sua empresa poderá competir com as outras que já estão há mais tempo no ramo?
  • O que fará com que as pessoas deixem de ir aos concorrentes para comprar de sua empresa?

• Qual será o seu diferencial?

  • Há espaço para todos, incluindo você?

Se a resposta for sim, explique os motivos disso. Caso contrário, que mudanças devem ser feitas para você concorrer em pé de igualdade com essas empresas?

Para você crescer deve estar atento as oportunidades, as empresas mais competitivas são aquelas que conseguem atender bem o seu cliente e conjuntamente estar atenta aos concorrentes.

Observando a concorrência, você poderá buscar novas estratégias de atuação, procurando suprir uma lacuna que o seu concorrente não faz, se diferenciando junto aos clientes.

Não se iluda, por mais simples que seja o seu negócio, existe sempre um concorrente. Portanto, esteja sempre atento, pesquisando.

Ouça e esteja sempre ligado ao que seu cliente fala do seu concorrente e procure tirar proveito dessas informações, para melhorar. Outros aliados que podem trazer referências dos demais concorrentes são os seus fornecedores, que com certeza também atendem estas empresas na região.

Veja, se diferenciar dos seus concorrentes faz toda a diferença, esteja sempre bem informado, não considere somente a região onde atua para pesquisar, expanda seus horizontes, pesquise em outras regiões, na internet, participe de feiras do seu setor, busque orientação empresarial, publicações e treinamentos.

Pense o que leva um consumidor, escolher este ou aquele carrinho de cachorro quente em uma extensa avenida, onde em quase cada esquina tem um carrinho desses, se a essência do produto é exatamente a mesma, ou seja, cachorro quente. Algo de melhor, aquele que possui maior número de clientes faz certamente, ou é qualidade do produto, diferencial nos ingredientes, preço, atendimento personalizado, enfim.... o que faz ele ser diferente e procurado.

Não considere o seu concorrente, como seu inimigo, mas como parceiro, muitas vezes ações conjuntas podem surtir bons efeitos e fazer com que todos ganhem. A convivência saudável com outros empresários e o compartilhamento das experiências pode ser muito positiva para o desenvolvimento de seu negócio.

Lembre-se nós do MEU NEGÓCIO PASSO A PASSO, somos o seu melhor parceiro, estamos sempre a sua disposição para orientá-lo da melhor forma possível.

DICA

Mariana e seu salão de beleza – Estoque/Fornecedores/Concorrentes/Parceiros

Mariana possui um salão de beleza em um bairro populoso da grande Florianópolis, ela é MEI – Micro Empreendedora Individual e trabalha sozinha, possui uma clientela fiel e assídua de aproximadamente 60 clientes mês. Uma de suas especialidades e tintura para mulheres, que corresponde a 20% dos serviços realizados.

Mariana está encontrando uma grande dificuldade em repor seu estoque, o preço das tinturas subiram muito nos últimos tempos, e ela relatou que os fornecedores só vendem em grande quantidade e muitas vezes com vendas casadas (ou seja, leve o que precisa, mas só se levar mais esse outro produto desnecessário junto). Uma vez que sua clientela é pequena não haveria saída da tintura comprada, no prazo de validade; bem como dispor de um valor tão expressivo/caro para comprar tantas embalagens de tintura para ficar parada na prateleira.

Lembre-se, ao olhar para seu estoque, não são só “produtos”, podem ser considerados como notas de R$ 100,00 na sua prateleira, ele pode ser seu lucro parado ali! Pondere bem seu giro de vendas e verifique se o estoque é necessário e se seu tamanho corresponde ao tamanho de seu negócio.

Para que Mariana continue atendendo prontamente suas clientes, nossa sugestão é de realizar uma parceria na compra da tintura, estatísticas apontam que a atividade de beleza cresce segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o setor de serviços corresponde a 65% do PIB e cresce 8,5% ao ano em média, certamente ela terá uma “concorrente” próxima que troca informações sobre sua atividade. O segredo é não olhar a concorrência como uma empresa adversária e sim como uma “parceira”. Pensando assim Mariana pode vir a comprar a quantidade delimitada pelo fornecedor e dividir a compra uma vez que o outro salão também precisa da mesma tintura e se encontra na mesma condição de compra junto a esse fornecedor.

Se você se identificou com a Mariana, faça como ela, busque a ajuda da “Meu negócio Passo a Passo” para controle de estoque, compras, análise de mercado concorrente e parcerias.

ANEXO1

Planilha “FOFA” ou “SWAT” preencha nos espaços da planilha os Pontos Positivos e Negativos de seu negócio.

 

ANEXO2

Planilha Comcorrentes

Posted in Passo a passo.